Concha do Caminho de Santiago

Hoje pela manhã tive uma grata surpresa no trabalho. Recebi a visita da amiga Christiane Knoener. Ela veio me trazer uma concha do Caminho de Santiago de Compostela. Essa concha ela ganhou de uma amiga, antes de percorrer o Caminho de Santiago, ano passado. É um costume que alguém que recebeu a concha, repasse para outra pessoa que vai percorrer o Caminho. A concha não deve ser comprada, mas sim ganha de alguém e depois repassada para outro peregrino. Como vou percorrer o Caminho daqui uns dias, a Chris veio repassar para mim a concha que ganhou. E uma coincidência é que embarco na mesma data que ela embarcou ano passado e início o Caminho também na mesma data que ela iniciou. Espero ter a mesma “sorte” que ela teve no Caminho. Essa história é melhor eu não contar aqui…

Concha de Vieira, é o símbolo mais conhecido do Caminho de Santiago. Os peregrinos que regressavam de Finisterra (local distante 80 quilômetros de Santiago de Compostela, e que é o ponto mais a oeste da Europa e por isso antigamente era considerado o fim do mundo, ou fim da terra), mostravam aos seus familiares e amigos a concha como prova de que fizeram a peregrinação até Santiago de Compostela. Hoje a concha é um símbolo que todos carregam desde o início da caminhada, para indicar que estão fazendo a peregrinação até Santiago de Compostela. Ligado à Deusa Vênus, o símbolo da concha também representa o renascimento de uma pessoa. No caso do Caminho, todas as mudanças que ocorrem com a pessoa durante a jornada.

WhatsApp Image 2017-09-01 at 09.21.25

WhatsApp Image 2017-09-01 at 09.21.26